Bloco Destaque 1Bloco Principal 1

Cirurgia para redução mamária contempla nove pacientes na Maternidade Frei Damião

A Maternidade Frei Damião, que integra a rede hospitalar do Governo do Estado, realiza cirurgias de redução mamária. O serviço foi implantado através do programa Opera Paraíba, que agiliza o acesso aos procedimentos eletivos, e é realizado uma vez por semana. Até agora, nove pacientes foram contempladas.

A cirurgia de redução das mamas é complexa, com duração de cerca de 4 horas e é realizada por meio da retirada do excesso de gordura, tecido mamário e pele de determinada região da mama. Em seguida, é feito o remodelamento, conferindo à mama seu formatado natural com reposicionamento da aréola.

A auxiliar administrativa Roberta Guimarães, de 33 anos, sofria desde a adolescência com problemas de coluna em decorrência do peso e volume das mamas. Ela passou pelo procedimento na última terça-feira (7). “Sempre tive esse desejo de poder fazer, mas não imaginei que teria oportunidade de ter acesso de forma tão fácil e rápida pelo SUS. É uma excelente oportunidade que o Governo do Estado está dando e é muito bom poder dizer que no meu estado existe esse serviço de forma gratuita. E não apenas para a cirurgia de redução de mama, mas para qualquer procedimento o acesso é muito simples e as pessoas podem se tratar de forma segura”.

De acordo com a mastologista Thássia Mariz, responsável por realizar os procedimentos, para ter indicação para a cirurgia de redução de mama a paciente precisa atender a alguns critérios básicos. “Além de ter as mamas volumosas, é necessário laudo de um ortopedista indicando prejuízo ergonômico em decorrência do peso das mamas. Também é preciso observar o IMC da paciente, que não pode ser maior que 30, uma vez que a cirurgia não é indicada para pessoas com obesidade, conforme orienta a Organização Mundial de Saúde”, explicou.

De acordo com a diretora-geral da Maternidade Frei Damião, Marcela Tárcia, o cadastro das pacientes deve ser feito por meio da regulação, sempre com indicação médica e documentos de suporte como laudos e exames. “Para qualquer procedimento oferecido pelo Opera Paraíba, o paciente deve ter laudo com indicação médica e na Unidade Básica de Saúde ele precisa preencher um cadastro para ser incluído no processo, que será encaminhado para a Secretaria de Estado da Saúde, onde será avaliado e direcionado para uma unidade executante mais próxima”, detalha.

Outra opção é por meio da internet, onde o interessado deverá acessar a plataforma operaparaiba.pb.gov.br, preencher o cadastro com as informações pessoais, e anexar seus exames e o laudo médico que confirmem a necessidade de uma cirurgia. Então, o usuário é classificado pela Central Estadual de Regulação e encaminhado para a unidade onde fará o procedimento.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
slot gacor hari ini
situs slot luar negeri