Bloco Principal 4Esportes

Alexandre Cavalcanti renuncia cargo de presidente do Botafogo-PB

Alexandre Cavalcanti assinou a carta de renúncia à presidência do Botafogo da Paraíba nesta quarta-feira (29), em João Pessoa. No documento, ele diz: “não me culparei por algo que não dependia só de mim”.

Veja a carta: 

(Imagem: Reprodução/Redes Sociais)

 

Crise dentro das quatro linhas

Neste ano, o Belo acumula decepções e eliminações precoces em competições importantes. Logo no início da temporada, a equipe foi derrotada pelo Santa Cruz na Pré Copa do Nordeste e sequer participou da fase de grupos do torneio. Na sequência, no início de março, mais uma derrota. Desta vez o Belo perdeu para o Águia de Marabá e foi eliminado da Copa do Brasil ainda na primeira fase, culminando na demissão do técnico Francisco Diá. Por fim, neste último fim de semana, a equipe foi goleada pelo Sousa e ficou pelo caminho no Campeonato Paraibano.

Botafogo-PB foi eliminado do Campeonato Paraibano. (Foto: Cristiano Santos / Botafogo-PB)

 

Crise fora de campo

Fora das quatro linhas, o clube também vive dias conturbados. Após mais de 20 dias sem técnico, o Botafogo anunciou, nesta terça (28), um velho conhecido da torcida. Leston Júnior, que até a última semana estava no rival, Campinense, chegou para assumir o comando técnico da equipe, em medida que não agradou boa parte torcedores.

Além do novo treinador, o Belo também anunciou a chegada do Executivo Renan Mobarack, que já havia atuado em clubes como Manaus F.C. e também pelo Ypiranga-RS. Contudo, menos de 24h após o anúncio, a equipe paraibana informou que rompeu com Mobarak. Em nota, o Botafogo afirmou que não foi possível concretizar o negócio devido a “entraves burocráticos e financeiros“.

Nesse meio tempo, o ex-dirigente do clube, Breno Morais, também anunciou afastamento do convívio interno do Belo. O fato ocorreu devido a uma briga entre ele e jornalistas que cobrem o Botafogo, após o jogo de ida da semifinal do estadual. Em nota, o empresário afirmou “Confesso que me excedi ao me deparar com a minha grande paixão sendo injustiçada com as críticas infundadas”.

O empresário seguia como conselheiro benemérito do Belo e, ao responder torcedores nas redes sociais, após a vitória da equipe contra o Sousa, no último sábado, se intitulou como “dono” do clube. Contudo, Breno Morais segue banido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), em operação que investigou esquema de corrupção dentro do futebol paraibano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
slot gacor hari ini
situs slot luar negeri