Bloco Principal 3

Consumo de café reduz incidência de doenças no fígado

O consumo de café reduz incidência de doenças no fígado. Alcoolismo, sobrepeso, colesterol alto e diabetes são algumas das causas da gordura no fígado, condição caracterizada pela infiltração de células de gordura no órgão.

O emagrecimento e a adoção de hábitos saudáveis são as formas de tratamento mais comuns. No entanto, adicionar à dieta alimentos que ajudam na recuperação pode trazer benefícios. Um deles é o café.

Um estudo, publicado no BMC Public Health por médicos da faculdade de medicina da Universidade de Southampton e da Universidade de Edimburgo, aponta que o consumo de café — até mesmo descafeinado — pode proteger e reduzir a incidência de doenças no fígado, como a gordura no fígado.

O trabalho científico indicou que a cafeína possui um efeito protetor sobre o fígado, devido à presença de substâncias como ácido clorogênico, kahweol e cafestol, que impedem o desenvolvimento de gordura no órgão.

Entenda quais são os benefícios do café e como ele pode ajudar na saúde hepática.

De acordo com Amanda Santos Lima, nutricionista especialista em nutrição clínica e bariátrica da Clínica Gastro ABC, o café possui propriedades que podem ajudar a reduzir a síntese de gordura no fígado.

Além disso, o café pode ajudar a equilibrar as bactérias no intestino e impedie a formação excessiva de tecido cicatricial no fígado, conhecido como fibrose hepática, que pode provocar doenças como a hepatite crônica e a gordura no fígado.

“No entanto, os resultados na literatura são variados e podem estar relacionados à dosagem e composição do café”, explica.

Benefícios do café

Outros benefícios do café incluem:

  • Melhora a memória e a concentração: a cafeína presente no café atua no sistema nervoso central, deixando o cérebro em estado de alerta
  • Previne doenças cardiovasculares: o café possui importantes anti-inflamatórios e antioxidantes que ajudam a melhorar a circulação sanguínea
  • Ajuda no combate à depressão: os polifenóis do café ajudam a combater os radicais livres e as inflamações do corpo, reduzindo os sintomas da depressão e ansiedade
  • Atua na saúde intestinal: o café promove contrações no intestino, favorecendo o trânsito intestinal

Quantidade diária recomendada

Segundo a nutricionista, a ingestão recomendada é de 3 a 5 doses diárias de café, aproximadamente 150 a 300 mg de cafeína ao dia. “O excesso, como para todos os alimentos, é prejudicial”, orienta.

CLICKPB

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
slot gacor hari ini
situs slot luar negeri