Bloco Principal 1

Comércio e Indústria apoiam governo sobre taxação de importados de até US$ 50

O projeto de lei que retoma a cobrança do imposto de importação para compras internacionais de até 50 dólares deve ser votado nesta semana na Câmara dos Deputados. O relator, deputado Átila Lira (Progressistas), tenta um acordo para a aprovação.

A revogação da isenção é considerada essencial pelo setor produtivo. Para que um produto chegue ao consumidor, a indústria e o comércio brasileiros pagam em média 45% de impostos federais. Isso, para os setores, torna a concorrência desigual, já que artigos importados chegam sem tributação.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI), a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) divulgaram uma carta conjunta em apoio ao projeto.

Os setores defendem uma taxa de importação de cerca de 40% para equilibrar os custos. Se aprovada, a estimativa é que a mudança gere mais de R$ 5 bilhões por ano em arrecadação para os cofres públicos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
slot gacor hari ini
situs slot luar negeri