Bloco Destaque

CIN: Nova Carteira de Identidade Nacional pode ser obtida mais rápido em JP via cartórios

A nova Carteira de Identidade Nacional, o CIN, não é apenas um documento de identificação, mas representa um salto qualitativo em direção à integração e segurança dos dados dos cidadãos. Com utilização do CPF como número único nacional, a nova CIN visa estruturar os cadastros administrativos de forma unificada, ampliando as verificações de segurança pública e mitigando problemas de fraudes, através de QR Code para verificação da autenticidade e uma área de Machine Readable Zone (MRZ) que permite sua utilização como documento de viagem em acordos internacionais.

A implantação se tornará obrigatória a partir de 2032 para quem tiver menos de 60 anos e até lá, o documento atual, ainda emitido pelos estados em papel e com o número de RG tradicional, permanecerá válido, porém, sensíveis ao grande número de pessoas interessadas que vêm procurando as Casas da Cidadania, mediante agendamento, cinco cartórios extrajudiciais estão disponibilizando de forma mais simples esse serviço a quem busca mais agilidade.

Opções por bairro

Um deles, que faz parte de projeto piloto, é o 12º Cartório de Registro Civil de João Pessoa, localizado no bairro de Mangabeira. Para a Oficial delegatária, esta não é apenas uma solução temporária para um problema de demanda; é um indicativo da direção que o país está tomando rumo à digitalização, segurança e integração de serviços públicos.

Os outros quatro cartórios são o 6º (Jardim 13 de Maio), 7º (Distrito Mecânico), 10º (Valentina Figueiredo) e 13º (Geisel). “Ao oferecer uma via mais rápida para a obtenção da CIN, os cartórios envolvidos estão na vanguarda da transformação digital, preparando a população para uma era de identificação civil mais segura, integrada e em conformidade com os mais altos padrões internacionais”, afirmou ao jornalista Cândido Nóbrega.

Anna Cecília Cunha acrescentou que o projeto piloto na Paraíba está alinhado com esses objetivos de modernização e eficiência: “A iniciativa demonstra nossa capacidade de inovação e adaptação e serve como modelo para outras regiões do país. Ao facilitar o acesso à nova CIN, os cartórios envolvidos estão desempenhando um papel crucial na transição para um sistema de identificação mais seguro, integrado e alinhado com as melhores práticas internacionais”.

Aplicativo GOV.BR

E lembrou que essa transformação rumo à digitalização e à integração de dados simplifica a vida do cidadão, mas também representa um marco extremamente importante na luta contra a fraude e na promoção de uma sociedade mais segura. A CIN é projetada para ser um documento digital, acessível através do aplicativo GOV.BR, oferecendo uma versatilidade e conveniência sem precedentes para os cidadãos. Este avanço está em total conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), garantindo a integridade e a privacidade das informações pessoais.

Este contexto de inovação e necessidade de atualização documental explica a crescente demanda pela nova CIN na Paraíba e em todo o país.

“A implementação de um projeto piloto envolvendo cinco cartórios estrategicamente localizados no estado na cidade de João Pessoa é uma resposta direta a essa demanda, oferecendo uma alternativa mais rápida e eficiente para a emissão do documento. Ao oferecer uma via mais rápida para a obtenção da CIN, os cartórios envolvidos estão na vanguarda da transformação digital que proporciona à população um processo de identificação civil mais seguro, integrado e em conformidade com os mais altos padrões internacionais”, concluiu.

Marco estratégico

Como presidente da Associação dos Notários e Registradores da Paraíba, o tabelião Carlos Ulysses Neto disse estar entusiasmado com a integração dos cartórios de João Pessoa na emissão da nova Carteira de Identidade Nacional.

“Esta iniciativa não é apenas uma resposta à crescente demanda dos cidadãos, mas também um marco estratégico no avanço rumo à digitalização e modernização de serviços públicos. Os cartórios estão na linha de frente, garantindo que o processo de identificação civil acompanhe os altos padrões internacionais de segurança e integração. Este projeto piloto exemplifica nossa dedicação à inovação e ao compromisso com a segurança e conveniência dos cidadãos, alinhando-se perfeitamente com as diretrizes da LGPD. É um privilégio ver a classe à frente dessa transformação crucial”, declarou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
slot gacor hari ini
situs slot luar negeri