Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

Nome mais importante do telejornalismo brasileiro, William Bonner falou pela primeira vez sobre os boatos envolvendo sua saída da Globo. O âncora do Jornal Nacional desmentiu qualquer informação que aponta sua saída do canal e defendeu não só ele como seus colegas alvos de reportagens do tipo.

 

“Não sei quem inventa esses boatos de que eu pretenderia sair da Globo, mas a intenção é óbvia: ganhar dinheiro ao levar pessoas a clicar no link enganoso”, declarou em entrevista a Cristina Padiglione.

“Meu nome e os de outros colegas da Globo têm sido usados sistematicamente com esse propósito por sites que vivem desse expediente baixo”, detonou. “Meus planos profissionais estão todos concentrados no Jornal Nacional e em projetos do jornalismo da Globo para os quais fui e ainda vier a ser escalado”, garantiu.

William Bonner celebra 36 anos na Globo e revela “energia e disposição”

Em seu longo desabafo, Bonner lembrou junho como uma época especial em razão dos 36 anos na Globo e afirmou: “Me sinto com energia e disposição para seguir por muito tempo no desempenho de um trabalho que considero de enorme relevância para o nosso país”.

Na última semana, o titular do Jornal Nacional não esteve na bancada ao lado de Renata Vasconcellos por sua viagem aos Estados Unidos.

 

O apresentador esteve na Filadélfia, onde foi homenageado e premiado pela Voice Foundation como reconhecimento pela contribuição à comunicação no Brasil em quase quatro décadas.

Em seu discurso de agradecimento, não faltou gente mencionada, desde ao “Dr. Sataloff e The Voice Foundation”“à fono Deborah Feijó, que levou quase a família toda para essa homenagem na Filadélfia”“aos colegas da Globo Nova York, que foram prestigiar o evento”  “aos colegas da Globo e do JN no Brasil” que o surpreenderam “com a edição de um vídeo arrasadoramente emocionante”.

O global concluiu: “Obrigado a todos que puseram esses sorrisos nos nossos rostos e corações. E aos que estão ao nosso lado nessa batalha para que as vozes dos jornalistas profissionais não sejam abafadas”.

rd1

Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

18 + dez =