O ministro da Saúde afirmou na noite desta quinta-feira que o presidente Jair Bolsonaro pediu um estudo “que trate da flexibilização do uso de máscaras”. Mais cedo, Bolsonaro havia dito que o Ministério estava trabalhando em um “parecer” para desobrigar o uso de máscaras para pessoas vacinadas e que já tiveram a doença. Especialistas e entidades de saúde, como a OMS e o Instituto Butantan, recomendam o uso de máscaras, inclusive entre vacinados e pessoas que já ficaram doentes, para evitar casos de reinfecção

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

15 − 10 =