A vacinação contra a Covid-19 nos três pontos de drive thru instalados em João Pessoa para grupos prioritários segue até esta sexta-feira (12), mas deve continuar na próxima semana, conforme explicou ao ClickPB o secretário municipal de Saúde, Fábio Rocha. Segundo ele, será necessário dar uma pausa no fim de semana para fazer um balanço da vacinação, enviar dados para o Ministério da Saúde e ver quantas doses restaram. Com isso, a imunização seria retomada na segunda ou terça-feira.

No primeiro dia de vacinação drive thru, que foi na quarta-feira (10), 1.970 pessoas foram imunizadas. Os números de ontem ainda não foram consolidados, mas o secretário estima que mais de 3 mil pessoas já receberam vacinas nesses dois dias. Inicialmente, a secretaria dispunha de cerca de 10 mil doses da Coronavac.

Fábio Rocha destacou também que, além da vacinação que ocorre nos pontos de drive thru, as equipes da Secretaria de Saúde continuam visitando residências para imunizar os idosos acamados.

Horários

Os pontos de drive thru montados no Ronaldão e no Centro de Convenções funcionam das 9h à meia-noite. Já no Aeroclube, o funcionamento é das 9h às 17h. As pessoas que estão nos grupos prioritários desta etapa e não possuem carro, podem se vacinar na área interna do Ronaldão, no mesmo horário.

O secretário Fábio Rocha também afirmou que a partir da próxima semana, deve começar a disponibilizar alguns pontos de vacinação tradicionais para atender melhor as pessoas que não possuem veículo próprio.

Nesta etapa, podem ser vacinados os idosos a partir de 90 anos; profissionais da rede privada que colhem o RT PCR (Swab) para teste de covid-19 em laboratórios de João Pessoa, bem como os trabalhadores que transportam a amostra e aqueles que recebem o material para processamento; profissionais da saúde a partir de 60 anos que estão na ativa; profissionais do sistema funerário que estão em contato direto com cadáveres potencialmente contaminados; cuidadores domiciliares ativos no home care, além dos trabalhadores da rede de saúde que por algum motivo não conseguiram se vacinar nas etapas anteriores.

Todos os trabalhadores incluídos nesses grupos precisam comprovar o direito à vacinação, com declaração oficial do vínculo ativo com a empresa em que trabalham e a cópia da carteira profissional. Já os idosos a partir de 90 anos precisam apresentar carteira de identificação para comprovação de idade. Os documentos ficarão retidos no local para fins de comprovação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

8 − sete =