Mesmo com o novo decreto municipal, divulgado na última quarta-feira (10) pela Prefeitura de João Pessoa, que prevê o funcionamento dos serviços públicos até às 14h, a Secretaria de Saúde de João Pessoa mantém o horário de funcionamento bem como os atendimentos realizados pelas Unidades de Saúde da Família (USFs), de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 12 às 13h, pois o serviço está dentro das atividades essenciais.

 

De acordo com a gerência de Atenção Básica, responsável pelas USFs, as unidades estarão em pleno funcionamento, organizadas e programadas para atender todos os casos, de forma organizativa e programática, mas priorizando os pacientes com síndrome gripal.

 

“Não haverá distinção nos atendimentos ofertados nas nossas unidades, estaremos atendendo os casos de síndrome gripal como prioridade, mas não vamos deixar de atender a todos os pacientes que fazem parte das outras linhas de cuidado. Nossas Unidades estarão organizadas para que dentro dos espaços atendam em uma ala apenas pacientes com síndrome gripal e em outra os demais”, explica o gerente de Atenção Básica da SMS, Gilliard Abrantes.

 
 

Dessa forma, os atendimentos estão mantidos para idosos, gestantes, hipertensos, diabéticos, pessoas em tratamento de hanseníase e tuberculose e demais que façam acompanhamento programado. Os demais serviços ofertados nas USFs também estão garantidos como dispensação de medicamentos, vacinas, odontologia, enfermagem e outros.

 

“O serviço das unidades de saúde é fundamental dentro dos territórios ainda mais nesse momento de pandemia, não podemos fechar essa porta de assistência e por isso garantimos os atendimentos, porém dentro de todos os preceitos e estratégias relacionadas ao combate à Covid-19. Além disso, reforçamos o que pedido que as pessoas realmente evitem sair de casa e se expor e só busquem o serviço em casos de real necessidade”, reforça Gilliard Abrantes. “Vivemos um momento crítico da pandemia e todo cuidado é pouco”, conclui o gerente da atenção básica.

 

Atualmente, a Prefeitura possui 203 Equipes de Saúde da Família atendendo em 97 prédios espalhados por toda a cidade.

 
 

Assistência – Além das Unidades de Saúde, a SMS também mantém a assistência prestada nas Policlínicas Municipais (segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h), Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), Unidades de Pronto Atendimento e demais serviços de saúde, seguindo o que garante parágrafo único do Art.16 do decreto.

 

Durante os finais de semana, a assistência a população é garantida pelas UPAs que funcionam 24h e atendem casos exclusivos de Covid-19 e síndrome gripal. Para outras sintomatologias, a assistência é prestada pela porta de urgência e emergência do Hospital Edson Ramalho e, dependendo do caso, Complexo Hospitalar de Mangabeira (Ortotrauma).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

4 + 10 =