Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

Pedido do ministro da Economia foi feito a empresários do setor no mesmo dia da divulgação do IPCA, que acumula alta de 11,73% em 12 meses

O ministro da Economia, Paulo Guedes, defendeu hoje o congelamento dos preços nos supermercados até o próximo ano. Ao lado de Jair Bolsonaro, ele participava de um evento com empresários do setor.

“Nova tabela de preços, só em 2023. Vamos parar de aumentar aí, dois, três meses. Nós estamos em uma hora decisiva para o Brasil”, afirmou o ministro. As eleições são daqui a quatro meses.

Durante o evento, Guedes também destacou as medidas do governo federal em relação à redução de impostos, como ICMS e IPI.

“Nós reduzimos esses impostos, então ao longo da cadeia [produtiva], trégua”, afirmou.

De acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) divulgado hoje, a inflação acumulada de 12 meses está em 11,73%. Em maio, houve desaceleração para 0,47% após alta de 1,06% em abril.

Fonte: O Antagonista

Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

4 × cinco =