O homem suspeito de estuprar e engravidar uma menina de 10 anos no Espírito Santo, foi preso na madrugada desta terça-feira (18), na cidade de Betim, em Minas Gerais. A informação foi repassada pelo governador Renato Casagrande, em uma rede social.

A polícia recebeu a denúncia e foi até o local onde ele estava escondido. A informação é que ele tenha ido para a Bahia e depois fugiu para Minas Gerais.

A gravidez da criança foi revelada no dia 07 de agosto, quando a menina foi ao hospital na cidade de São Mateus, se queixando de dores abdominais. De acordo com a criança, ela era abusada desde que tinha seis anos de idade e que não o denunciou porque era ameaçada. O homem tem 33 anos e foi indiciado por estupro de vulnerável e ameaça e estava foragido.

A menina passou por um procedimento e interrompeu nesta segunda-feira (17) a gravidez em um hospital de referência em Pernambuco. Ela estava na unidade desde domingo (16), quando iniciou o processo. De acordo com a direção do hospital, a menina passa bem.

Fundamentalistas tentaram invadir o hospital em protesto contra o aborto. A Promotoria da Infância e da Juventude de São Mateus decidiu investigar se grupos tentaram pressionar a avó da menina para que o aborto não fosse autorizado. O MP também vai analisar áudios de conversas de pessoas que estariam pressionando a família da criança a não interromper a gravidez.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dezesseis + nove =