As integrações do transporte coletivo em João Pessoa com a região metropolitana serão suspensas a partir de quarta-feira (19). De acordo com o Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros no Município de João Pessoa (Sintur-JP), a medida ocorre por causa das dificuldades econômico-financeiras para manter o equilíbrio do sistema de transporte público em João Pessoa e na região metropolitana.

Com a decisão, as integrações metropolitanas ficarão suspensas temporariamente para os municípios de Bayeux, Cabedelo, Conde, Jacumã e Santa Rita, que fazem parte da Grande João Pessoa, segundo informações obtidas pelo nosso portal.

O benefício da integração, que pode ser realizado para quem faz uso do cartão Passe Legal, não poderá ser feito entre João Pessoa e os municípios da região metropolitana.

A decisão do Sintur-JP foi comunicada nesta segunda-feira (17) ao Departamento de Estradas de Rodagem da Paraíba (DER-PB) e também à Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP). A intenção do Sintur-JP é dialogar com o poder público para encontrar uma solução para as dificuldades do setor, que está há 16 meses com a tarifa defasada, o que compromete a situação das empresas concessionárias.

“Comunicamos ao DER/PB sobre essa medida, que é temporária, para que possamos aprofundar estudos no sentido de retomar as integrações metropolitanas, uma vez que elas não possuem uma fonte de custeio própria, o que penaliza o passageiro pagante, pois aumenta o custo da tarifa aqui em João Pessoa”, esclareceu Isaac Júnior Moreira, Diretor Institucional do SINTUR-JP.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

14 − dois =