Um show da dupla Henrique & Juliano em Imperatriz, no Maranhão, na madrugada deste sábado (5/11), precisou ser interrompido após um soldado da Polícia Militar disparar tiros no local.

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram o tumulto e correria que tomou conta do Parque de Exposições de Imperatriz, após os disparos de arma de fogo. Os tiros foram efetuados na área premium do show.

De acordo com o portal G1, o soldado Tiago Henrique Cardoso, lotado no 30º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Buriticupu, foi o responsável por efetuar os tiros no local.

Motivo da confusão no show de Henrique e Juliano

Ele afirmou a polícia que uma pessoa embriagada empurrou sua namorada. O soldado reclamou com o desconhecido, que acabou o agredindo fisicamente. O PM aponta que revidou a agressão, e os dois partiram para uma luta corporal.

Tiago, então, alega que sacou a arma e efetuou os disparou para o alto com medo de ser linchado. Ainda segundo a reportagem, ele foi detido no local e liberado após pagar fiança.

Ao Metrópoles, a assessoria de Henrique & Juliano afirmou que tudo aconteceu cerca de 25 minutos antes do término do show da dupla. A equipe ainda afirma que os cantores tentaram voltar ao palco, mas foram novamente interrompidos e, desta forma, o show foi interrompido imediatamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

3 × 4 =