O secretário de Saúde de João Pessoa, Fábio Rocha, falou a respeito da suspensão da vacinação para o público 12+ que estava prevista para iniciar hoje, na capital paraibana.

De acordo com o auxiliar do prefeito Cícero Lucena, em entrevista ao programa Cidade em Ação, da TV Arapuan, ele discorda da recomendação do Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Estado da Paraíba (MPPB) e orientação da CIB (Comissão Intergestores Bipartite), para suspensão.

“Foi planejada [a vacinação dos adolescentes sem comorbidades], temos um grupo que discute e sabemos que a informação do Ministério Público de que não foi vacinada toda a população com comorbidades está equivocada, a etapa foi cumprida e bem cumprida e vacinar os adolescentes 12+ iria evitar a circulação do vírus”, argumentou.

Ainda conforme o secretário apesar de não adoecer muito, essa faixa etária que compreende jovens de 12 a 17 anos em fase escolar transmite o vírus e pode contaminar as pessoas em casa.

“Dentro de casa ninguém usa máscara. Se eles não se vacinarem o vírus vai estar circulando dentro das casas”, justificou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

catorze − um =