O relator da Ação de Investigação da Justiça Eleitoral (Aije) movida pela Coligação ”A Vontade do Povo” contra o ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho, Og Fernandes, pediu a inelegibilidade de Ricardo por oito anos, contados a partir da eleição de 2014.

Também foi solicitada a inelegibilidade, pelo mesmo período, de Renato Costa Feliciano e Tárcio Rodrigues.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julga nesta quinta-feira (27) mais uma Aije contra o ex-governador, que inclui também a vice-governadora Lígia Feliciano, e alguns ex-secretários do Governo do Estado. A Coligação acusa o ex-governador de abuso de poder na campanha eleitoral de 2014, quando foi reeleito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

13 − cinco =