“Quem ganhou foi a vida do campinense”. Foi com essa declaração que o secretário de Saúde do Estado, Geraldo Medeiros, comentou nesta quinta-feira (24), a decisão do juiz Eloy Jorge Trindade, que derrubou o decreto do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, que permitia o funcionamento de bares e restaurantes no Natal e Ano Novo.

Mais cedo, o secretário gravou um vídeo para alertar os campinenses para o risco da decisão. Geraldo Medeiros lamentou a postura de Romero, que contraria as orientações das maiores entidades científicas do Brasil e do mundo. Segundo ele, o risco de contaminação em bares e restaurantes é duas vezes maior.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

um × um =