O Hotel Tambaú vai ser colocado novamente em leilão. A decisão foi tomada pelo juiz Paulo Assed Estefan, da 4ª Vara Empresarial do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Ele determinou que seja realizado um novo leilão do empreendimento no dia 4 de fevereiro de 2021 às 14 horas no Auditório de Leilões do Sindicato dos Leiloeiros do Estado do Rio de Janeiro, com possibilidade de participação online. O lance mínimo desta vez é de R$ 40 milhões, sendo o pagamento à vista, ou a prazo de 15 dias, mediante caução, ou ainda parcelado, com entrada de no mínimo 10% do valor d arrematação e o restante em até 80 parcelas, mensais e consecutivas, corrigidas pelo IPCA positivo.

A avaliação original do Hotel Tambaú era de R$ 131 milhões, mas a sentença afirma que a redução do preço do equipamento turístico “mostra-se adequada à nova realidade pós pandemia, notadamente quando se percebe que as tentativas anteriores de venda por valor superior não foram frutíferas”.

O empresário e advogado Rui Galdino havia apresentado um lance depois que o grupo Arnaldo Gaspar desistira da oferta feita no leilão. Apesar disso, o juiz determinou que haja nova oportunidade para o arremate do bem buscando maior “competitividade”.

O leilão do Hotel Tambaú se dá para quitar dívidas trabalhistas deixadas pela Companhia Tropical de Hoteis, parte da Rede Varig que abriu falência em 2008.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dezessete − 7 =