Bloco DestaqueParaiba

Problemas com clima deixam frutas mais caras no fim de ano

O clima cada vez mais incerto, com ondas de calor angustiantes e chuvas e frio fora do tempo estão fazendo o preço das frutas pesar no bolso dos brasileiros.

Neste fim de ano, muito presente nas mesas e festas, algumas frutas chegaram a altas de 60% no ano, considerando o acumulado de 12 meses. De acordo com a inflação medida pelo IBGE em dezembro (IPCA-15), o morango foi a fruta com maior alta: 62,42%, seguido pela tangerina (41,36%), laranja-baia (29,54%) e o abacaxi (25,79%).

Os valores também estão em alta por conta da demanda crescente, desafiando produtores. No geral, 2023 será finalizado com frutas 32% mais caras em relação ao índice geral da inflação.

Diante da subida dos preços, muitos estão procurando alternativas mais em conta ou levando quantidades menores. Outras frutas, na contramão, apresentaram quedas significativas, como o abacate (-23,71%), limão (-18,41%) e mamão (-8,72%)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
slot gacor hari ini
situs slot luar negeri