Enquanto Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se manteve estável nas intenções de voto, o presidente Jair Bolsonaro (PL) teve oscilação negativa, o que amplia a vantagem do petista. É o que mostra a nova pesquisa eleitoral 2022 PoderData, divulgada nesta quinta-feira (4).

Lula aparece com 43%, mesmo índice da pesquisa anteriores, enquanto Bolsonaro apareceu com 35%, dois pontos a menos. A variação está dentro da margem de erro.

A pesquisa foi realizada entre os dias 31 de julho e 2 de agosto por meio de ligações para telefones fixos e celular. Foram ouvidas 3.500 pessoas e a margem de erro é de dois pontos percentuais. O registro no Tribunal Superior Eleitoral é BR-08398/2022.

O levantamento ainda tem os nomes de Luciano Bivar (União Brasil), que deixou a corrida à presidência, e de André Janones e Pablo Marçal, que também devem ficar de fora.

Veja os resultados da pesquisa PoderData:

  • Lula (PT): 43%
  • Jair Bolsonaro (PL): 35%
  • Ciro Gomes (PDT): 7%
  • Simone Tebet (MDB): 4%
  • André Janones (Avante): 2%
  • Felipe D’Ávila (Novo): 1%
  • Eymael (DC): 1%
  • Branco/nulo: 4%
  • Não sabem: 2%

Luciano Bivar (União Brasil), Sofia Manzano (PCD), Pablo Marçal (Pros), Péricles (UP) e Vera Lúcia (PSTU) não pontuaram.

Com os números da pesquisa, o ex-presidente Lula não venceria logo no primeiro turno. Enquanto o petista teria 45% dos votos válidos (sem brancos e nulos), a soma dos outros candidatos chega a 53%.

Segundo turno

Em um eventual segundo turno, a diferença entre Bolsonaro e Lula caiu e chega a 10 pontos: o petista aparece com 50% e Bolsonaro com 40%. Outros 5% devem votar branco ou anular e 4% não sabem.

Caso o segundo turno tivesse Ciro e Bolsonaro, os dois estariam empatados, cada um com 40%. Entre Lula e Ciro, a vantagem do petista é de 21 pontos, com 47% contra 26%.

 

Yahoo Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

8 − quatro =