Um incidente pouco comum foi reportado ao Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) em um voo da Azul Linhas Aéreas na semana passada.
A ocorrência tratou-se de um copiloto que passou mal durante um voo regular de passageiros, que havia partido de Recife, em Pernambuco, com destino a Campinas, interior de São Paulo.

Segundo os dados do CENIPA, a aeronave, um Airbus A320neo registrado sob a matrícula PR-YSD, partiu do Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes para cumprir o voo AD4332, com 169 passageiros e 6 tripulantes, no último dia 16 de julho.

Durante o voo de cruzeiro do A320neo, um dos tripulantes, o Primeiro Oficial do voo, comumente chamado de “copiloto”, começou a se sentir mal. Conforme o relato, havia um médico da própria Azul a bordo da aeronave, que prestou os primeiros atendimentos, retirando o piloto da cabine de comando.

 

Também entre os viajantes do voo em questão, um passageiro era um piloto da Azul com experiência operacional prévia no Airbus A320neo, que se disponibilizou a ajudar, passando a acompanhar a operação no cockpit, apoiando o comandante até o destino do voo.