Apesar das gestões do ex-prefeito de Campina Romero Rodrigues (PSD) e do atual prefeito Bruno Cunha Lima (PSD) propagarem a imprensa local que seu modelo de gestão de saúde pública é referência para toda a Paraíba, pesquisa nacional realizada pela consultoria Macroplan e divulgada nesta sexta-feira (12.02.2021) pela rede de notícias CNN Brasil, mostra que Campina Grande foi uma das cidades brasileiras que mais caíram em qualidade, nos índices de saúde pública no ano passado.

Segundo a pesquisa, dentre as 100 cidades mapeadas, Campina Grande, na Paraíba, foi um dos municípios brasileiros com maior queda nas taxas de saúde. De acordo com o estudo, Campina Grande (PB) perdeu 31 posições no ranking, passando do 49º para o 80º lugar. Neste caso específico, a taxa de mortalidade infantil aumentou em 51% no período de um ano, atingindo a marca de 15,4 por cada 100 mil habitantes, de acordo com o DataSUS. Veja detalhes da pesquisa: https://www.cnnbrasil.com.br/business/2021/02/12/descubra-as-melhores-cidades-para-se-morar-e-trabalhar-no-brasil

O estudo aponta que certamente, a crise de 2020, provocada pelo novo coronavírus, deve aprofundar as desigualdades nacionais e mostrar a disparidade que existe entre as mais de 5 mil cidades brasileiras, como destacam os coordenadores do estudo. Para eles, os prefeitos que assumiram seus cargos no início de 2021 têm desafios agudos, principalmente em relação à taxa de desemprego elevada e um contexto fiscal bastante preocupante. Confira a pesquisa completa no link: https://www.macroplan.com.br/emprego-e-qualidade-de-vida-as-100-melhores-cidades-para-se-viver-no-brasil/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

quatro × 5 =