O perdão das dívidas de emplacamento de motocicletas entre 2016 e 2020 com até 162 cilindradas que contemplará 284 mil motos na Paraíba precisa de alguns detalhes para ser concretizado. A ação, anunciada pelo governador João Azevêdo, na última segunda-feira (16) ajudará milhares de trabalhadores em todo o estado que precisam da moto para obter renda ou se locomover.

A proposta de isenção no pagamento do IPVA Imposto sobre a propriedade de veículos automotores), além de outros impostos, para motociclistas em atraso na Paraíba já foi enviada à Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) onde aguarda aprovação. Se aprovado, haverá agendamento no próprio site do Detran-PB para que as dívidas sejam perdoadas, após o pagamento do emplacamento 2021.

Como apurou o ClickPB, em contato com o Departamento de Trânsito da Paraíba (Detran-PB), para receber o benefício, o motociclista terá que pagar o emplacamento de 2021. O valor poderá ser pago em até três parcelas ou em cota única. Caso deseje parcelar, o cidadão fará o primeiro pagamento até 31 de outubro. Já quem preferir pela cota única, terá um desconto de 10%.

Segundo o chefe do Executivo, as dívidas dos últimos cinco anos, ou seja, de 2016 até 2020 envolvendo: IPVA, taxa de bombeiro, licenciamento, emplacamento e taxa de depósito serão anistiadas com o pagamento do imposto desse ano. “Esse é um valor muito alto de renúncia. Estamos dando a oportunidade das pessoas poderem usar suas motos quites de dívidas”, assegurou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

19 + 14 =