O técnico do Paris Saint Germain, atual campeão francês, o alemão Thomas Tuchel, foi demitido, nesta terça-feira (29). A demissão foi informada em comunicado feito pelo clube, que neste momento ocupa a terceira colocação na tabela de classificação do Campeonato Francês.

Tuchel, que levou o PSG à final da Liga dos Campeões em agosto, quando a equipe foi derrotada pelo Bayern de Munique, foi demitido no Natal, depois da derrota da equipe por 4 x 0 para o Racing Strasbourg.

“Gostaria de agradecer a Thomas Tuchel e à sua equipe por tudo que trouxeram ao clube”, disse o presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi. “Thomas colocou muita energia e paixão em seu trabalho e, é claro, vamos lembrar dos bons momentos que compartilhamos juntos. Desejo a ele o melhor no futuro.”

O PSG tem 35 pontos em 17 jogos no Campeonato Francês, um ponto atrás dos líderes Olympique Lyonnais e Lille, e está nas oitavas de final da Liga dos Campeões, quando terá o Barcelona pela frente. Tuchel, de 47 anos, foi contratado pelo PSG em 2018 e levou o clube a dois títulos do Campeonato Francês, além de conquistar os quatro títulos domésticos em sua segunda temporada na equipe.

O jornal L’Equipe noticiou que o argentino Mauricio Pochettino, ex-treinador do Tottenham, será contratado como sucessor de Tuchel. Pochettino, que foi jogador do PSG no início dos anos 2000, está desempregado desde que foi demitido do Tottenham em novembro de 2019, poucos meses depois de levar o clube londrino à final da Liga dos Campeões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

19 − treze =