Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

O governador João Azevêdo (Cidadania) afirmou nesta quarta-feira (22), durante entrevista ao jornalista Anderson Soares, na Rádio CPAD FM, que apesar das articulações do PT em torno de uma candidatura própria ao Governo do Estado, ele ainda espera contar com parte dos petistas em seu projeto de reeleição para 2022.

O governador ressaltou que o partido compõe o governo com uma das secretarias mais importantes (Agricultura) e tem o apoio de lideranças importantes do partido, a exemplo do deputado federal Frei Anastácio e do deputado estadual Anisio Maia. Entretanto, João admitiu dificuldades em uma aliança, formal, com o PT, após a filiação de Ricardo Coutinho ao partido.

“O PT, hoje, é usado como instrumento de vingança por umas pessoas (Ricardo) que chegaram ao PT muito mais como instrumento de vingança contra Governo do Estado do que com um objetivo político. Eu espero o apoio do PT, principalmente na aliança majoritária”, pontuou ao ressaltar que tem recebido sinalizações positivas de interlocutores em conversas com Lula.

 

BLOG DO ANDERSON SOARES ›

Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

seis − um =