Uma das pessoas em que Lula mais confia sobre temas de Justiça vem avisando à cúpula do PT sobre o futuro da relação do partido com  Alexandre de Moraes.

A avaliação é que o ministro do Supremo Tribunal Federal possa, um dia, “virar-se” contra o PT, e que a relação, agora boa, saia de controle. O alerta veio acompanhado do conselho de que o partido precisa se preparar para esse cenário.

Quando esse dia chegar, disse esse integrante do partido à coluna, o PT não poderá criticar a postura de Moraes.

“Não poderemos agir como Bolsonaro e sua ‘trupe’ agiram. Seria hipócrita”, ponderou.

No PT, Moraes é visto como um xerifão. Contudo, a justificativa para aceitar a postura do ministro é a necessidade de frear os ímpetos antidemocráticos de Bolsonaro.

 

METRÓPOLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

5 × 1 =