Nem pandemia da Covid-19, nem crise econômica. Os “novos” projetos que reajustam os salários dos vereadores, prefeito e vice, do Procurador-Geral e dos secretários municipais de João Pessoa, além da implantação do 13º salário, não demoraram mais do que um minuto para serem votados, durante a sessão desta quarta-feira (30), da Câmara Municipal.

Foram aprovados, mas com votos contrários dos vereadores Milanez Neto, Thiago Lucena, Marcos Henriques e Damásio Franca Neto. Foi tão rápido que o presidente da Casa, João Corujinha, mal deixou a vereadora Eliza Virgínia falar. Será que estava com pressa. Confira o vídeo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

13 + catorze =