Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

O combate à corrupção no Brasil é uma missão difícil, mas seguirá como um objetivo a ser perseguido pelo governo. A afirmação é do presidente Jair Bolsonaro e foi feita durante a cerimônia de encerramento do Curso de Formação Profissional de agente de Polícia Federal (PF), na manhã desta quinta-feira, 16, em Brasília.

Durante seu pronunciamento, Bolsonaro destacou a importância da PF no enfrentamento da corrupção, especialmente nos últimos anos.

“Nós continuaremos combatendo a corrupção, um mal que veio para o Brasil e que cada vez mais se apresenta como algo que pode ser combatido”, disse o presidente da República.

“Não é fácil combater a corrupção, mas é um objetivo a ser perseguido”, prosseguiu. “Isso dá esperança a todos os brasileiros de que podemos ter dias melhores para o nosso país.”

O chefe do Executivo, dirigindo-se aos agentes da PF, lembrou que a corporação é uma das instituições “mais bem avaliadas pela opinião pública” no país.

“Só quero agradecer a vocês e agradecer a Deus por vocês existirem. O Brasil confia em vocês. Juntos, atingiremos nossos objetivos”, finalizou Bolsonaro.

Facada

Jair Bolsonaro citou o atentado sofrido por ele em setembro de 2018, em Juiz de Fora (MG), quando foi esfaqueado durante um ato de campanha. Segundo o presidente, o trabalho da PF naquele momento foi fundamental para que ele fosse salvo.

“Se não fosse um planejamento meticuloso por parte dos policiais federais, de rota de fuga para o hospital, eu teria morrido e não estaria aqui”, afirmou. “Com uma rota de fuga já traçada, consegui ser salvo.”

Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

4 × dois =