247 – O vice-presidente Hamilton Mourão disse que a ação da Polícia Federal contra o cantor Sérgio Reis e o deputado federal bolsonarista Otoni de Paula (PSC-RJ) acontece dentro do “devido processo legal”. Ele, porém, ressaltou ser preciso esperar a conclusão das investigações para que os alvos da operação não sejam “crucificados” pela opinião pública.

A declaração foi feita após a Polícia Federal cumprir mandados de busca e apreensão contra o artista e o parlamentar expedidos pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes no âmbito do inquérito que apura ataques às instituições.

“Existem denúncias, existe um inquérito em andamento. (Em) Um inquérito, para poder obter as provas necessárias, como é que é feita a investigação? Seja por meio de depoimento das pessoas que estão investigadas, seja apreendendo material na busca dessas provas. Obviamente tudo com autorização da Justiça, se não foge aquilo que prevê o devido processo legal. Então vamos aguardar o que vai emergir disso tudo”, disse Mourão, de acordo com o jornal O Globo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

onze − 7 =