Muito longe dos holofotes desde que deixou a presidência do STF, Dias Toffoli tem trabalhado intensamente para André Mendonça ser seu colega na Corte. É o ministro mais ativo nos contatos com os senadores.

Em compensação, no Senado, Mendonça tem um incansável adversário.

Davi Alcolumbre trabalha com desembaraço para que o Senado não aprove o indicado de Jair Bolsonaro.

E, aos mais próximos, diz que já teria conseguido 35 votos contra Mendonça e mais sete senadores que não compareceriam à votação — a soma daria o suficiente para estragar a festa do atual chefe da AGU.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

19 + 3 =