Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

Os bens deixados pela cantora Marília Mendonça, que faleceu no último dia 5, vítima de um acidente aéreo em Minas Gerais, aguardam a conclusão de um inventário para ser destinados aos herdeiros. A previsão é que o processo burocrático seja concluído em até 60 dias.

A rainha da sofrência deixou um filho Léo, de apenas 1 ano e 11 meses. A guarda da criança será compartilhada entre o pai, Murilo Huff, e a avó materna, Ruth Dias.

Caso a cantora tenha deixado algum testamento, ela poderia ter direcionado 50% do que possuía para quem quisesse. Os outros 50% obrigatoriamente ficam com o filho. Não havendo testamento, o filho de Marília herda os bens em sua integralidade.

Na legislação brasileira, é previsto o prazo de um ano para a conclusão de um processo de inventário.

Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

20 − um =