Vladimir Kuhl Teles disse que decidiu sair por razões pessoais. Na semana passada, dois secretários deixaram governo, mas por divergências sobre condução das reformas.

O subsecretário de Política Macroeconômica do Ministério da Economia, Vladimir Kuhl Teles, deixou o cargo nesta segunda-feira (17). A saída foi oficializada no “Diário Oficial da União”.

Teles era o número dois da Secretaria de Política Econômica do ministério, comandada por Adolfo Sachsida.

Vladimir Teles afirmou que a saída foi motivada por razões pessoais. Disse também que voltará para São Paulo, onde é professor da Fundação Getúlio Vargas.

A secretaria faz previsões para a economia do país, incluindo dados sobre Produto Interno Bruto (PIB) e inflação. A secretaria também trabalhou nos últimos meses nas medidas que liberaram recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) aos trabalhadores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

três × dois =