O valor arrecadado pelo Ministério da Justiça com leilões de bens confiscados bateu recorde este ano: 125 milhões de reais – 36% a mais do que os 91,7 milhões de reais do ano passado.

Nesses certames, realizados pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas, nada rendeu mais do que as joias de Sérgio Cabral. Foram 4,6 milhões de reais com 15 diamantes e 4,5 quilos de ouro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

13 − cinco =