Um homem deu entrada por volta das 14h, dessa quarta-feira (16), no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, após sofrer uma grande queimadura, que atingiu 45% do seu corpo. O caso aconteceu na Feira Central.

De acordo com as primeiras informações, o homem estaria fazendo uso de uma substância entorpecente quando foi abordado por um vigilante e o material altamente inflamável derramou no seu corpo. As informações de como esse material se incendiou ainda são desencontradas. Testemunhas afirmam que após o líquido cair no corpo, o homem teria sofrido um choque, mas não há explicação do causador.

A polícia vai investigar se o vigilante tem ligação ou se o homem se incendiou de forma acidental.

De acordo com o médico Sebastião Viana, o estado de saúde do homem é extremamente grave. “Ele foi vítima de uma explosão, uma queimadura extensa, mais de 45% do corpo queimado, além de queimadura nas vias aéreas. Ele apresentava dificuldade de respirar e teve que ser intubado. Agora está na área vermelha, sedado por conta da extensão da queimadura e aguarda vaga na Unidade de Terapia Intensiva”, disse.

Mais informações a qualquer momento.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

4 + três =