Bloco Principal 3

Guia do pudim de leite condensado perfeito; saiba como fazer

Pudim é aquela sobremesa que todo mundo ama, mas vamos combinar que o conceito de perfeito é muito subjetivo, não é mesmo? Para alguns, o doce deve ser lisinho e cremoso enquanto outros adoram o clássico pudim com furinhos, igual aos de vó!

Já que existem essas duas variações da sobremesa que combina com qualquer pós-almoço, preparamos um guia para os dois tipos de pudim de leite: com e sem furinhos! Confira:

Guia do pudim de leite perfeito

Antes de mais nada, se você quiser dar um upgrade no seu pudim de leite, troque a essência de baunilha (que é totalmente opcional!) por fava fresca: misture o leite à fava e suas sementes, leve ao fogo até ferver e desligue. Descanse a mistura por meia hora, coe e use.

Para a calda, nossa dica é desligar o fogo assim que o açúcar derreter e começar a amarelar porque a forma quente continua cozinhando e a calda pode ficar amarga! Já dentro do forno, sempre asse o doce em banho-maria: é ele que garante a textura cremosa.

Gosto de ovo? Nunca mais! Antes de adicionar os ovos, bata os ingredientes separadamente com um garfo e adicione ao leite e o leite condensado, peneirando o que foi misturado.

Você também não vai querer que seu pudim fique aguado, né? Então, cubra a forma com papel-alumínio durante o cozimento, sem encostar na massa, para que não se forme uma crosta na sobremesa.

E, claro, jamais desenforme o pudim quente! Isso só pode ser feito depois que ele estiver bem gelado – no mínimo quatro horas na geladeira, combinado?

Pudim liso e sem furinhos

Agora, sobre a massa: se você quiser que seu pudim seja bem lisinha e sem furinhos, misture todos os ingredientes com a ajuda de um fouet, nunca no liquidificador – para que entre a menor quantidade de ar possível, já que ele é ele o responsável pelos furinhos!

Outra dica para um pudim de leite sem furinhos é assar o doce lentamente, numa temperatura baixa, e sempre em banho-maria, claro.

Pudim com furinhos

Já para um pudim com furinhos, que lembra aquele da vovó ou das embalagens de leite condensado, você deve fazer o oposto: bater bem no liquidificador e assar numa temperatura alta. O ar que entra na receita forma as bolhinhas que dão vida aos furinhos!

Extra: calda de caramelo brilhante

  • Preparar caramelo para o pudim parece uma “missão impossível”. Sim, esse passo exige atenção, mas é fácil de fazer em casa! Siga as dicas da confeiteira Helô Bacellar:
  • Para uma calda linda, basta açúcar, panela quente e delicadeza para conquistar a calda perfeita para o doce.
  • Pode derreter o açúcar refinado na panela sem mais nada. No entanto, quem preferir pode adicionar um pouco de água para se sentir mais “seguro” com o processo da receita.
  • Não deixe que a calda fique muito amarronzada pois é mais fácil que passe do ponto e queime durante o cozimento do pudim. Anotou o truque?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
slot gacor hari ini
situs slot luar negeri