A Operação Rent a Car foi deflagrada na manhã desta sexta-feira (14), na cidade de Camalaú. Um dos alvos da operação é o prefeito do município Alecsandro Bezerra dos Santos, conhecido como Sandro Môco.

Sandro Môco foi afastado do cargo e preso após o Gaeco encontrar na casa do prefeito uma bolsa com cerca de R$ 60 mil em dinheiro. Além do dinheiro também foram apreendidos veículos e uma arma.

Segundo as investigações o prefeito juntamente com outras pessoas são acusados de emitir documentos falsos e locação fraudulenta de veículos do prefeito registrados em nome de “laranjas”, cujos contratos revelaram prejuízo ao erário no valor de R$ 314.690,62.

Segundo apurado, desde o início da gestão do atual prefeito, 2017, os veículos NISSAN FRONTIER e caminhão Mercedes Benz são sistematicamente locados ao município de Camalaú, após prévio direcionamento de processos de licitação,especialmente modelados para tal finalidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

seis + quinze =