O secretário municipal de Saúde de João Pessoa, Fábio Rocha, acredita que o próximo decreto, que deverá ser publicado até sexta-feira (18), trará mais flexibilização para a Capital. Ele alegou, em entrevista, que o município está com uma curva descendente de casos e que isso deve ser o bastante para o comércio abrir normalmente nos dias 23 e 24 de junho, já que o feriado foi cumprido anteriormente. A decisão deve ser tomada em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB).

“Estamos com 65% da ocupação dos leitos e de mãos dadas com o estado nessa parceria de trabalho mútuo. Ontem emprestamos respiradores para, se precisar, ampliar número de leitos”, disse e afirmou que podem existir visões diferentes da mesma situação. “Posso interpretar o copo meio vazio ou meio cheio para não termos medidas desnecessárias para não trazer sequelas econômicas e psicológicas, criando pânico”, disse.

Quanto aos São João, o secretário apontou que João Pessoa deve abrir normalmente nos dias 23 e 24, já que não terá feriado, já cumprido no passado. E alertou para o fato das pessoas irem se aglomerar no interior e que os casos refletem na Capital. “Isso deve ser visto por todos os gestores e vamos decidir no Comitê Intergestores Bipartite (CIB) se vamos abrir o comércio dessa forma que será a mais tranquila, sem festividades, só no coração e na lembrança, e com as nossa alimentação deliciosa e passar por esse período esperando dias melhores”, disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

seis − três =