Só neste mês de abril, 16 bares e restaurante foram notificados e quatro foram autuados por descumprimento de protocolos sanitários em João Pessoa. Os são da Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) e os números podem ser ainda maiores, já que a Operação Previna-se também conta com a atuação Vigilância Sanitária, Bombeiros, Polícia Militar e outras secretarias municipais.

Os problemas mais comuns são o não uso de máscara, aglomeração, falta do distanciamento previsto no decreto e falta de álcool 70%.

O Procon-JP também emitiu 31 orientações neste mês. De acordo com a assessoria do Procon, a orientação é feita quando os protocolos estão sendo cumpridos, mas com alguma falha. Por exemplo: o estabelecimento oferece álcool em gel, mas não tem recipientes suficientes para cobrir toda a área. Já a notificação é emitida quando algum protocolo deixa de ser cumprido. Em ambos os casos, há um prazo para que adequação, que, se não for cumprido, pode gerar a autuação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

três × cinco =