O técnico da seleção brasileira masculina de vôlei, Renan Dal Zotto, apresentou piora no padrão respiratório neste domingo (25) e, por isso, foi necessário novo procedimento de sedação e intubação.

Em comunicado, a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) informou, nesta segunda-feira (26), que houve troca de medicações e o treinador reagiu bem. “Nesta última noite, Renan se manteve estável e já nesta segunda-feira, apresentou melhora leve do quadro respiratório”, diz trecho da nota.

A CBV aproveita para informar que o vice-presidente da entidade, Radamés Lattari, que também foi acometido pela COVID-19, teve alta nesta segunda-feira e segue a recuperação em casa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

onze + 9 =