O secretário de Estado de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, pediu nesta segunda-feira (07), que as pessoas não façam festa junina nem mesmo dentro de casa. O gestor citou o nível de transmissibilidade por covid-19 alto em João Pessoa e alertou que houve contaminação de famílias inteiras, devido aos almoços de dia das mães. As declarações foram dadas em entrevista a uma emissora de TV da Capital.

“Teremos de 30 a 40 dias que são preocupantes. Pode haver um aumento da ocupação de leitos e estão sendo adotadas medidas de ampliação de leitos. O principal é evitar o adoecimento e morte”, alerta.

“O São João é uma tradição cultural da região, mas já alertamos para a impossibilidade dessas festas, e também pedimos que a família paraibana não faça festa dentro de casa nesse período junino. Temos vários exemplos de famílias inteiras contaminadas no dia das mães como alertamos na véspera”, destaca.

O secretário citou o estudo do observatório da UFPB que aponta o fator R de transmissibilidade da doença em João Pessoa, como o mais alto das capitais do Nordeste.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

4 × 4 =