O presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (DEM) foi voto vencido quanto ao procedimento de votação na eleição da Casa. Ele defendeu que parlamentares pudessem votar de forma remota e que a eleição pudesse ocorrer no dia 2 de fevereiro. A decisão da maioria da mesa foi de que todos os votos devem ser presenciais e que ocorresse no dia 1º de fevereiro, na próxima terça-feira.

Rodrigo Maia é padrinho da candidatura de Baleia Rossi (MDB) e vem fazendo de tudo para não ver o candidato Arthur Lira(PP) apoiado pelo presidente Bolsonaro vencer o pleito. Rodrigo Maia defendia que deputados do grupo de risco pudessem votar de forma remota, e que as eleições fossem realizadas dia 2 de fevereiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

vinte + dez =