Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

Oex-juiz Sergio Moro decidiu, nesta sexta-feira, 22, que deve concorrer às eleições de 2022. Com o martelo batido, o Podemos, partido de destino de Moro, já marcou para o dia 10 de novembro seu evento de filiação. Segundo a jornalista Bela Megale, colunista do O Globo, o ato deve acontecer no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília.

No final de setembro, Moro desembarcou no Brasil para discutir a seu futuro político. Na ocasião, o ex-ministro da Justiça do presidente Jair Bolsonaro promoveu diálogo com deputados, senadores e dirigentes do Podemos, em Brasília. Até o fim de outubro, o ex-juiz ainda deverá participar eventos públicos representando a empresa Alvarez & Marsal, a qual deve se desligar nas próximas semanas.

O partido ainda considera a possibilidade de incluir o anúncio da pré-candidatura de Moro à Presidência no ato de filiação. A legenda também estuda fazer o anúncio mais adiante. Em breve, o ex-juiz deve decidir se concorrerá à Presidência ou ao Senado. A expectativa dentro do partido é que Moro concorra ao Palácio do Planalto.

Moro saiu do Ministério da Justiça em abril do ano passado. A decisão aconteceu após a exoneração do diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, ter sido publicada no Diário Oficial da União. Na ocasião, ele acusou o presidente da República, hoje seu adversário político, de tentar interferir nas instâncias da PF.

Compartilhe e nos ajude a continuar com o projeto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

quinze − doze =