A Casa da Cidadania, localizada no bairro de Jaguaribe, retomou, nesta quinta-feira (21), o atendimento ao público, porém de forma parcial, com funcionamento das 8h às 14h. Os serviços disponibilizados no momento são emissão da carteira identidade (RG) – dando prioridade às pessoas idosas e portadores de necessidades especiais – e o balcão do Sistema Nacional de Emprego (Sine-PB). Para emissão de RG, é necessário agendamento pelo número 3218-5523. Até o final de fevereiro, as 28 Casas da Cidadania do Estado deverão ser reabertas.

Agora, são 11 cass que retomaram o atendimento e estão à disposição da população, sendo quatro na capital: Casas da Cidadania dos Shoppings Manaíra e Tambiá, Jaguaribe, além do Programa Cidadão no Espaço Cultural (para pessoas em vulnerabilidade social). E nas cidades de Campina Grande, Mamanguape, Cuité, São Bento, Juazeirinho, São Sebastião do Umbuzeiro e Sumé.

O secretário de Estado do Desenvolvimento Humano, Tibério Limeira, presenciou a abertura da Casa da Cidadania, em Jaguaribe, e comentou que, desde setembro, os serviços estão sendo retomados, adotando todos os cuidados necessários e protocolos sanitários. “Estamos retomando os serviços com todos os cuidados necessários, já foi o Programa Cidadão, as Casas da Cidadania do Manaíra, Tambiá, porque há uma demanda, principalmente, para emissão de RG, que está muito alta, acumulada naturalmente pelos meses sem funcionamento”, disse.

Tibério Limeira observou que o fechamento desses pontos de atendimento foi uma medida necessária para proteção das vidas das pessoas, tendo em vista a pandemia do coronavírus. “Porém agora já sabemos como lidar com a doença, tomando todas as medidas: usando máscaras, higienizando as mãos, e precauções necessárias. E hoje estamos reabrindo a Casa de Jaguaribe, com prioridade para idosos e pessoas com deficiência que estão na fila de espera para emissão de documentos, e paulatinamente vamos reabrindo os demais serviços da casa. E até o final de fevereiro reabriremos todas as 28 Casas da Cidadania do Estado”, adiantou.

Dona Maria Belmiro da Silva (65), residente no bairro Colinas do Sul, foi a primeira a ser atendida quando do reinício dos trabalhos na Casa da Cidadania, em Jaguaribe. Ela aniversariou no último mês de outubro e procurou o serviço para confeccionar uma nova carteira de identidade, colocar a observação da idade e assim desfrutar da gratuidade nos transportes públicos. “Estava aguardando ansiosa que o serviço fosse reaberto para poder trocar minha identidade, colocar o carimbo de 65 anos e poder andar de graça nos ônibus”, declarou eufórica a dona de casa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

treze + 8 =