O governador João Azevêdo (Cidadania), em entrevista ao programa Frente a Frente, da TV Arapuan, na última segunda-feira (25) falou sobre a adoção de medidas restritivas durante o Carnaval deste ano no estado. O gestor reagiu ao ser questionado sobre a possibilidade de decretar ponto facultativo ou não, no Carnaval, data em que não há um feriado oficial na Paraíba.

Segundo ele, ainda não há uma definição sobre o decreto facultativo no Carnaval. Ele ressaltou que os números da pandemia é que vão indicar quais medidas serão adotadas. “Não há outra alternativa. Os números é que nos indicarão quais medidas iremos tomar. Não existe feriado de Carnaval. Existem dois dias que são decretados facultativos pelo governo. Nessa avaliação que iremos fazer nos próximos dias é que decidiremos se será facultativo ou não. Estamos em uma pandemia, até cidades que vivem do Carnaval, como Salvador, suspenderam todas as festas. É uma consciência coletiva de que esse momento é de proteger vidas”, destacou.

O gestor avaliou que há duas possibilidades para o Carnaval deste ano. Ou terá a adoção de medidas restrições, como por exemplo no funcionamento de bares e restaurantes, ou o cancelamento do ponto facultativo. “Existe um aumento de contaminação e nós sabemos que cada ato de fazer com que as pessoas fiquem mais em casa tem um reflexo maior na proteção. Será tomada a decisão em função dos números nos próximos dias”, explicou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

oito − 2 =