A deputada federal Carla Zambelli (foto) afirmou na madrugada deste domingo (30) que votará armada no segundo turno das eleições. Ontem, a parlamentar bolsonarista protagonizou uma cena de violência ao sacar uma arma em plena rua e apontá-la para um homem na região dos Jardins, em São Paulo.

“Eu tenho porte federal de arma. A resolução é para quem é CAC (caçador, atirador esportivo ou colecionador). Eu não sou CAC, tenho porte federal. Eu posso carregar minha arma o tempo todo comigo, e agora mais um motivo para eu carregar a minha arma”, afirmou a deputada.

Zambelli contraria o artigo 154 da Resolução TSE nº 23.669, que determina que “a força armada se conservará a cem metros da seção eleitoral e não poderá aproximar-se do lugar da votação ou nele adentrar sem ordem judicial ou do presidente da mesa receptora, nas 48 (quarenta e oito) horas que antecedem o pleito e nas 24 (vinte e quatro) horas que o sucedem”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dois + 14 =