Caminhoneiros da Paraíba estão evitando pegar a estrada com receio dos bloqueios e de atrasos no transporte de cargas devido os protestos de bolsonaristas e motoristas em rodovias de diversos estados do país. Em entrevista ao ClickPB, nesta terça-feira (1), o presidente da Associação de Caminhoneiros de Campina Grande e Região, Albério Lima, disse que muitos trabalhadores já desistiram de seguir viagem.

Os bloqueios de rodovias feitos por motoristas e caminhoneiros, que protestam contra o resultado das urnas nas Eleições 2022, continuam sendo realizados em diversas cidades da região de São Paulo e demais estados. A Polícia Militar Rodoviária confirmou que ao menos dez cidades registraram bloqueios na região.

Partes das manifestações começaram na segunda (31), com pneus e galhos de árvores nas pistas, em alguns pontos com fogo. “A situação complica a vida desses trabalhadores que precisam chegar ao destino para conseguir receber o pagamento pelo serviço prestado. Para evitar os transtornos, muitos companheiros estão evitando pegar a estrada”, disse ao ClickPB.

Os atos são realizados por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL) insatisfeitos com o resultado do pleito de domingo (30). Alguns manifestantes pedem a volta da ditadura militar. A Polícia Militar Rodoviária confirmou que ao menos dez cidades registraram bloqueios na região. A Paraíba não registra nenhum caso de protesto com fechamento de rodovias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

2 + nove =