Através das suas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta sexta-feira (23) o fechamento de sete embaixadas brasileiras espalhadas pelo mundo. São elas:

  • Freetown (Serra Leoa)
  • Monróvia (Libéria)
  • Saint George’s (Granada)
  • Roseau (Dominica)
  • Basseterre (São Cristóvão e Névis)
  • Kingstown (São Vicente e Granadinas)
  • Saint John (Antígua e Barbuda)

A justificativa do presidente para o fechamento passa por uma questão de economia.

Da mesma forma que o Brasil encerrará as atividades nos referidos países, estes devem encerrar as atividades das suas respectivas embaixadas nas terras brasileiras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dezoito − 9 =