Ao ouvir o relato de Luiz Fux sobre a decisão do governo de criar um comitê para coordenar nacionalmente o combate à CovidLuís Roberto Barroso disse que a medida foi tomada com atraso.

“Fiquei feliz de saber que com um ano de atraso resolveram montar uma comissão de especialistas e de médicos, com um ano de atraso e 300 mil mortos”, ironizou.

A declaração foi feita no início da sessão de hoje do Supremo, quando Fux disse aos ministros que vai indicar um integrante do Conselho Nacional de Justiça para integrar o comitê.

O objetivo é estudar um tipo de “controle prévio” das medidas para evitar que elas sejam judicializadas.

Barroso disse que a proposta é “boa”, mas fez uma ressalva: “Mas evidentemente o Supremo não pode se comprometer previamente com coisa alguma. Salvo a celeridade máxima caso haja alguma impugnação”, disse.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

um × 1 =