Ruan Ferreira teve o nome incluído na lista do Procurados PB, do Governo da Paraíba. Após o acidente que matou o motoboy Kelton Marques, envolvendo o carro de Ruan, o motorista ainda não se apresentou à Polícia Civil para depor, sendo alvo de mandado de prisão expedido pela Justiça da Paraíba.

O delegado de Homicídios, Rodolfo Santa Cruz, informou ao ClickPB que inseriu, hoje (16), os dados de Ruan no site Procurados PB e que “pedimos apoio à Polícia Federal para alerta a fim de que evite-se a fuga para fora do país.”

Ruan é considerado foragido desde o domingo (12), um dia após o acidente entre ele e Kelton, motoboy que morreu após Ruan ultrapassar o sinal vermelho no Retão de Manaíra, com o veículo a 163km/h.

Em relação às perícias do acidente, Rodolfo Santa Cruz informou ao ClickPB que o delegado de plantão no dia solicitou várias perícias e que ele pediu para que fosse verificado se o carro tinha alteração para aumento da potência. De forma preliminar, foi descartada a possibilidade. Mas ainda haverá a versão oficial no laudo pericial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

nove + quinze =