A primeira votação para definir os ocupantes dos cargos da Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, realizada antes da eleição do novo presidente, Arthur Lira (PP-AL) foi anulada pelo próprio Lira. Alegando perda de prazo, o novo presidente convocou uma nova eleição para essa terça-feira (2), que foi adiada e os deputados tem nova eleição marcada para as 10h desta quarta-feira (3).

Historicamente a divisão das cadeiras é feita de acordo com o tamanho dos partidos ou blocos, com isso, quanto maior a bancada, maior o número de vagas a que terá direito. Nesta legislatura o partido com o maior número de votos é o PT, com a decisão de Lira, o partido perdeu vagas importantes como a 1ª Secretaria e houve um impasse em torno da distribuição das dez vagas da mesa.

Lira invalidou e desintegrou o bloco de dez partidos formado por Baleia Rossi (MDB-SP), seu principal adversário na disputa. Ele alegou que o bloco rival foi formalizado seis minutos após o prazo, enquanto o PT reclamou de lentidão no sistema eletrônico da Câmara que atrasou a apresentação dos documentos.

Após uma reunião de líderes, em que Lira cedeu e aceitou reconfigurar as vagas da Mesa para incluir os partidos que seriam do bloco de Baleia, houve consenso. Geralmente além dos nomes indicados pelas legendas, pelo regimento interno, os deputados do mesmo partido ou bloco podem lançar de maneira avulsa, mas este acordo prevê apenas candidaturas oficiais. Sendo assim, candidaturas avulsas poderão não ser consideradas.

Confira as candidaturas apresentadas (ainda precisarão ser confirmadas pela Secretaria Geral da Câmara):

1º vice-presidente – Marcelo Ramos (PL-AM) – candidato oficial

2º vice-presidente – André de Paula (PSD-PE), candidato oficial; Delegado Éder Mauro (PSD-PA) e Júlio César (PSD-PI), candidatos avulsos

1º secretário – Luciano Bivar (PSL-PE), candidato oficial; Léo Motta (PSL-MG), candidato avulso

2º secretário – Marília Arraes (PT-PE), candidata oficial; João Daniel (PT-SE) e Paulo Guedes (PT-MG), candidatos avulsos

3º secretário – Rose Modesto (PSDB-MS), candidata oficial; Cássio Andrade (PSB-PA) e Júlio Delgado (PSB-MG), candidatos avulsos

4º secretário – Rosângela Gomes (Republicanos-RJ)

Candidatos a suplentes de secretário:

  • Vaga do PDT – Eduardo Bismarck (PDT-CE)
  • Vaga do DEM – Alexandre Leite (DEM-SP)
  • Vaga do bloco de Arthur Lira – Gilberto Nascimento (PSC-SP), candidato oficial; Bibo Nunes (PSL-RS), candidato avulso
  • Vaga do PSB – Cássio Andrade (PSB-PA) e Marcelo Nilo (PSB-BA)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

6 − 6 =