Amostras de oito pacientes transferidos de Manaus para a cidade de João Pessoa apresentaram uma carga viral alta e foram encaminhadas para laboratório no Estado do Pará para sequenciamento genético para saber se é a nova variante do coronavírus. Todos os 15 e mais dois familiares foram testados, confirmados com a Covid-19 e internados no Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW).

O secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, explicou que dos 17 internados, três estão internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI do HULW), dois em ventilação mecânica com quadro clínico grave. “Catorze resultaram positivos e 8 pacientes que apresentavam carga viral elevada, as amostras foram enviadas para o Centro de Referência de Sequenciamento genético do Instituto Evandro Chagas, em Belém do Pará, para definir se é o novo coronavírus habitual ou se se trata de uma variante”, revelou ao ClickPB.

Sobre a nova variante do coronavírus, comentou que as primeiras informações são de que as manifestações nos pacientes são mais leves, porém, tem maior “poder de propagação”. A nova cepa foi identificada no Japão em viajantes que estiveram no Estado do Amazonas, na Região Norte do Brasil. Na semana passada, o secretário revelou ao ClickPB que o Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen-PB) estava preparado para identificar a variante.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

17 + 3 =